Controlar tamanho da fonte

A- A A+


Links úteis

SlideBar

logo 20160926152812

Inicia nesta quarta-feira (30/11) o II Congresso Internacional de Controle e Políticas Públicas, realizado pelo Instituto Rui Barbosa – IRB e o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo – TCESP, com o apoio de diversas entidades parceiras. O evento, que terá duração até o dia 02/12 (sexta-feira), será na UNINOVE - Universidade Nove de Julho, em São Paulo/SP e contará com a participação de técnicos e especialistas de órgãos e entidades que congregam instituições específicas da área ou que apoiam projetos de desenvolvimento, como a Organização Latinoamericana e do Caribe de Entidades Fiscalizadoras Superiores (OLACEFS), a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a Organização das Nações Unidas (ONU/ PNUD Brasil), além de membros da academia internacional, como o Professor Doutor Michael Barzelay - London School of Economics and Political Science (LSE).

Além de gestores e servidores públicos, o IRB pretende reunir no Congresso Tribunais de Contas de todo o Brasil, membros da academia brasileira e do mundo, professores e estudantes para debater o tema e promover a multiplicação e o intercâmbio de conhecimentos com a apresentação de estudos acerca da qualidade das políticas públicas praticadas.

O evento está estruturado em duas atividades básicas, que ocorrerão em momentos distintos: 1) Conferências: palestras de acadêmicos de amplo reconhecimento na comunidade científica e/ou meio profissional; e 2) Painéis onde serão desenvolvidas atividades referentes às seguintes questões específicas: Políticas Públicas para a Saúde – O fenômeno da Judicialização; Políticas Públicas para a Educação - Plano Nacional de Educação (PNE); Políticas Públicas para Infraestrutura – Parceria Público Privada; Transparência e Eficácia das Políticas Pública: Novo rosto da Democracia; Políticas Públicas e Orçamento; Tribunas de Contas e Eficiência dos gastos públicos; Políticas Públicas e Desenvolvimento Regional; Políticas Públicas e Sustentabilidade; Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Um dos pontos altos do Congresso será a apresentação do Índice de Efetividade da Gestão Municipal – IEGM Brasil, resultado do trabalho de aplicação do IEGM nos municípios brasileiros, sendo o maior estudo de gestão pública do país, permitindo aos Tribunais, seguindo uma mesma metodologia, comparar efetividade e resultados de políticas públicas, e à sociedade conhecer a realidade da gestão municipal.

As inscrições para o encontro se esgotaram, mas quem não tiver a oportunidade de comparecer poderá ter acesso a todo o conteúdo, apresentado no evento, através do portal do IRB (irbcontas.org.br).