Controlar tamanho da fonte

A- A A+


Links úteis

SlideBar

28novContandoCorpotex

“Depois deste trabalho, eu vejo a cidade com outros olhos”, declarou a aluna Vitória Maria da Silva, do Ciep Frederico Fellini, vencedora do Contando com o TCE, na solenidade de encerramento da terceira edição do projeto, nesta segunda-feira (28/11), no auditório do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ). Lançado em 2014, o projeto já alcançou 45 mil estudantes do ensino médio da rede pública. São alunos de 85 escolas das Zonas Oeste, Norte e Sul da capital, Baixada Fluminense e São Gonçalo, que aprenderam sobre o funcionamento do TCE-RJ. “O nosso objetivo é despertar a cidadania entre os jovens, para que eles cobrem o bom uso do dinheiro público, que advém dos impostos pagos pela população. É através da educação que vamos transformar a sociedade”, afirmou o presidente do TCE, Jonas Lopes de Carvalho Junior. Também participou da solenidade o secretário de Estado de Educação, Wagner Victer.

Durante a cerimônia, foram chamados ao palco para receber seus certificados os 12 primeiros colocados do concurso que reuniu os 36 trabalhos finalistas, expostos no auditório do TCE-RJ. Por meio de vídeos, músicas, cartazes e redações, eles expressaram o que aprenderam com o Contando com o TCE. O projeto, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), proporciona aos estudantes, por meio de uma cartilha no formato de revista em quadrinhos e com linguagem de fácil compreensão, o conhecimento a respeito da missão do tribunal na preservação do dinheiro público. Os professores foram capacitados pela Escola de Contas e Gestão (ECG) a utilizar a cartilha nas lições de cidadania.

“Este é o envolvimento que buscamos desde o início, quando imaginamos que não bastava distribuir cartilhas, mas sim inseri-las em um projeto pedagógico”, afirmou a coordenadora de Comunicação Social do tribunal e gestora do projeto, Fernanda Barreto Pedrosa. “A cada ano, os trabalhos nos mostram, de formas diferentes, como música, teatro, redações e vídeos, que a mensagem está sendo bem passada e recebida pelos jovens”, complementou.

A vencedora deste ano, que criou um pergaminho para contar o que aprendeu sobre a atuação do Tribunal, disse que ouviu falar do órgão pela primeira vez quando recebeu a cartilha Contando com o TCE. “Já participava dos projetos de arte da escola, quando me mostraram o livreto e o desafio do trabalho. Elaborei toda a forma de apresentação, inclusive fazer o desenho do presidente ao lado da diretora do meu colégio”, contou Vitória Maria da Silva.

Em segundo lugar, ficaram os alunos Tamiris Correa Pereira, Maria Brenda Firmino e Hellieu Max Silva do Nascimento, do Colégio Dep. Pedro Fernandes. Em terceiro, David Matheus Muller Silva, do Colégio Dr. Adino Xavier. Também subiu ao palco o aluno Jonas José Silva dos Santos, do Colégio Estadual João Alfredo, que tocou violão e cantou, com o seu amigo Robert Antonio Sacramento do Rosário, a paródia que criou sobre a lição de cidadania que aprendeu com o projeto.

O secretário de Estado de Educação, Wagner Victer, parabenizou todos os alunos que participarem do projeto. “Esta não é uma atividade obrigatória. Estes jovens quiseram participar. E ir além é o primeiro passo para que tenham sucesso na vida. Eles já têm um diferencial, pois sabem como funciona a nossa estrutura de governo, com a atuação de seu órgão de fiscalização”, afirmou o secretário.

Jonas Lopes também elogiou a participação dos professores que atuaram como orientadores dos alunos. “Os mestres merecem o nosso agradecimento especial, pois passaram por uma qualificação para melhor ensinar seus alunos. Aposto que a maioria absoluta, a exemplo da vencedora, nunca tinha ouvido falar em TCE, que é o órgão que fiscaliza o bom uso do dinheiro público. E isto é cidadania”, afirmou Jonas Lopes.